Mineirinho na Austrália

Andre na AustraliaAndre recebeu uma proposta de trabalho na Australia e não pestanejou. Junto a esposa, arrumaram as malas e partiram para essa nova experiência, que mesmo temporária, era um grande sonho prestes a se realizar;  “eu sempre batalhei para que um dia isso acontecesse e hoje estou aqui realizando essa etapa da minha vida…“.

– Nome:
Andre Araujo

– Onde nasceu e cresceu?
Brasileiro, nasci em uma cidade no interior de Minas Gerais chamada Teófilo Otoni, me mudei para Belo Horizonte para trabalhar e estudar e agora estou aqui em Brisbane.

– Em que país e cidade você mora?
Brisbane, Queensland – Australia

– Você mora sozinho ou com sua familia?
Moro com minha linda esposa Paola.
Andre na Australia

– Há quanto tempo você reside nesse local?
Um pouco mais de 6 meses.

– Já residiu em outro(s) país(es) antes dessa experiencia?
Infelizmente não, a oportunidade veio agora e resolvemos agarrá-la.

– Qual sua idade?
27 anos

– Quando surgiu a idéia de residir no exterior?
Desde adolescente eu sempre tive vontade de passar uma temporada no exterior seja estudando ou trabalhando. E sempre sonhei em morar em lugares exóticos como Dubai, Hong Kong, Japao, etc… lugares que não são senso comum entre aqueles que querem morar fora do Brasil. Com essa vontade dentro de mim por tanto tempo, uma hora tinha que acontecer. Acho que a gente, mesmo que no sub-consciente, trabalha para que isso aconteca um dia. Eu sempre lia varios blogs sobre brasileiros que residiam no exterior e ficava me imaginando um dia vivendo e trabalhando no exterior também. Então eu sempre batalhei para que um dia isso acontecesse e hoje estou aqui realizando essa etapa da minha vida.

– Foi difícil conseguir o visto de residência ou o visto de trabalho?
Na verdade como a minha empresa atual me “sponsorou”, ou me patrocinou, não foi dificil. O que pega é somente a demora, porque no meu caso demorou uns 3 meses de espera até o visto sair. São muitos documentos que você tem que mandar para o Immigration Office.

Estou no visto 457 (Temporary Resident VISA) que vale por 4 anos (renováveis por mais 4) aqui na Australia. Mas depois de 2 anos trabalhando nesse visto se você quiser, pode aplicar para a residência permanente.

– Você tem seguro saúde? Foi difícil obtê-lo antes ou depois da sua chegada?
Tenho sim. É uma exigência da categoria de visto no qual eu estou, que você tenha um seguro saúde. Então eu tenho um seguro saúde particular tanto para mim quanto para a minha esposa.

– Você trabalha? Como a renda familiar é obtida?
Trabalho sim. Sou consultor de TI numa empresa que presta servicos por toda Australia e Nova Zelandia, especialmente para órgãos do governo Australiano. Como consegui esse emprego? Bem, um recruiter me achou no Linkedin e me perguntou se eu não estaria interessado em conversar sobre uma oportunidade na Australia. Eu logico, aceitei na hora, conversa vai conversa vem, algumas entrevistas, e DONE! A vaga era minha =)

– Se a resposta anterior foi sim, você mudou de área depois da saída do Brasil ou continua no mesmo setor?
Mesmo setor, Tecnologia da Informação.

– Você fala a língua local? Você acredita que é importante aprender a língua local?
Com certeza é super importante que você fale a lingua local, no meu caso o Inglês. Principalmente quando você vem com emprego garantido. Se eu não falasse bem o Inglês eu já seria descartado no processo seletivo porque todas as entrevistas foram feitas em Inglês. E o legal da Australia é que é um país multicultural então você tem inglês dos mais diversos “sabores”. O inglês australiano, o inglês britanico, o inglês indiano, o inglês chines e por ai vai.
Andre na Australia
Brisbane Festival, Set/2012
– O que você pensa sobre seu novo país e o local onde mora (e/ou onde morou)? Eles respeitam os Brasileiros e outros expatriados vivendo nesse país?
Ao meu ver os australianos respeitam os Brasileiros e outros expatriados que vivem aqui. Até porque é um país que tem pelo menos 43% da populacao que nasceu em outro país ou tem um parente que nasceu em outro país. Ou seja, a Australia precisa da força dos imigrantes para manter o país funcionando.
Brisbane é uma cidade muito bonita, limpa e organizada. Muito boa de se viver, com segurança e transporte público caro mas eficiente ao meu ver.

– Você tem filhos? Se sim, eles se adaptaram ao novo país? Estudam e têm amigos locais?
Não tenho filhos.

– Sente saudades da familia no Brasil? Sente falta de produtos, alimentos e outras peculiaridades?
Com certeza sinto. O que mais “pega” ao se mudar para um outro pais, especialmente este que é distante da nossa terra natal, e a questão da saudade. Da familia, dos amigos, dos costumes. As vezes ela (a saudade) aperta muito, minha esposa que o diga hehe. Mas como não pretendemos passar o resto das nossas vidas aqui, estamos considerando a estadia na Australia como uma etapa nas nossas vidas que está servindo tanto para o crescimento pessoal como para o crescimento profissional.

– O que costuma fazer nas horas vagas, finais de semana e feriados? Quais as atividades recreacionais existentes?
Estamos aproveitando para conhecer algumas praias que existem aqui perto e lugares turisticos pela cidade.
Existem muitos parques para conhecer, zoológicos, parques aquaticos na Gold Coast, etc.

– Você tem planos para o futuro? Pretende viver nesse país para sempre?
Os planos por enquanto são: passar uma temporada aqui (pode ser curta ou longa) e depois regressar ao Brasil. Pretendemos ter filhos e queremos criá-los perto da familia. Por mais que o Brasil tenha todos os problemas que já conhecemos (corrupção, seguranca, PT, etc) é lá que nascemos e é lá que nossas famílias e amigos se encontram. Pertencemos àquele lugar, portanto iremos voltar um dia sim.

– Você comprou ou alugou o local que reside? Quanto pagou ou paga por isso? Comprar imoveis é algo comum nesse país?
Aluguel é caro aqui na Australia. Para terem ideia, se quiser morar no centro ou perto dele, espere pagar 400 – 500 dolares por semana no minimo. Para se comprar um imóvel aqui você tem que ter uma bela grana. Como não pretendemos morar aqui a vida inteira, vamos alugando e juntando dinheiro para comprar o nosso imovel no Brasil quem sabe…

– Qual o custo de vida?
Isso depende muito. Depende do seu estilo de vida, se gosta de balada todo fim de semana ou não. Se gosta de viajar muito. Se seu estilo é mais relax, ficar em casa ou pegar um cineminha de vez em quando, etc.

Mas jogando por alto eu diria que o custo de vida mensal aqui seria:

Aluguel: 1500-2000 dolares
Supermercado: 400-700 dolares (depende da quantidade de membros na familia)
Transporte Publico: 170-200 dolares por pessoa se usar todo dia
Recreação: Depende do seu estilo de vida
Energia: 50-100 dolares
Telefone+Internet: 60-120 dolares dependendo do seu plano
Celular: 39-90 dolares dependendo do seu plano e de qual celular voce deseja comprar

Again, estou fazendo um cálculo grosseiro baseado nas experiências e conversas que tive com pessoas que moram aqui tambem.

– Quais os pontos positivos e negativos de morar nesse país?
Positivos: Segurança, Qualidade de vida, ganha-se bem e em dólar😉 , estamos perto de países que pareciam inalcançáveis no Brasil como Fiji, Vanuatu, Tonga, Ilhas Salomao, Thailandia, Japao, etc.

Negativos: Falta a espontaneidade do brasileiro nas pessoas que moram aqui e distância do Brasil.

– Qual a curiosidade que mais te chama a atenção nesse país?
Não sei se é uma curiosidade mas a meu ver os australianos parecem um pouco reservados. Acho que isso é herança da colonização inglesa. Não são tão abertos como os brasileiros, isso pode dificultar o processo de adaptação para os recém chegados!
Apesar dos australianos não serem tão fechados como os ingleses, mesmo assim carregam esse traço da cultura inglesa.
E eles gostam de beber cerveja (e muito….)

Outra coisa interessante é que aqui você consegue viver trabalhando em empregos considerados “comuns” no Brasil como garçonete, cabeleireiro, encanador, pedreiro, taxista, etc. O salário mínimo está mais ou menos 18 dólares por hora. Não é incomum você conhecer pessoas que trabalham somente 3 dias na semana. E vivem dignamente. Para vocês terem uma idéia, quase todo mundo tem iPhone aqui…..no Brasil voce não vê isso. O poder de compra do brasileiro pode até ter aumentado um pouco mas não chega nem aos pés do poder de compra do australiano e olha que aqui é um pais caro de se viver. A gente vê mais
igualdade social por aqui, mais respeito….

Infelizemente não acredito que nosso pais será assim algum dia…é triste mas é a realidade que eu enxergo!

– O país que você reside tem alguma coisa que é usado no dia a dia que você acha que seria interessante ser implementado no Brasil?
Poxa, tem tanta coisa daqui que poderia ser implementada no Brasil.

Uma coisa interessante é o CityCycle, que são alugueis de bicicleta como alternativa de transporte público. Muito legal! Voce paga uma taxa ($27 por 3 meses, ou $60 por ano) e pode utilizar até 30 minutos cada bicicleta que você aluga. Se quiser usar mais de 30min basta deixar a bicicleta em uma estação do CityCycle e alugar outra. Ou seja, se você usar o CityCycle para ir trabalhar todo dia voce irá gastar $60 por ano de transporte publico. É um meio barato de se locomover e ao mesmo tempo entrar em forma =)

Outra coisa interessante é o CityCat, que é um ferry boat usado como transporte publico. Em algumas cidades brasileiras que tenham rios que cortam a cidade, isso poderia ser uma alternativa de transporte publico, pois diminuiria o numero de onibus rodando e por consequencia diminuiria o tráfego.

– Você tem sugestões ou dicas para pessoas que pretendem viver nesse país?
Venham sem medo, vocês irão viver uma das experiencias mais incriveis das suas vidas e irão aprender muito. Irão crescer pessoalmente e irão levar essa experiencia por toda a vida. Se possivel venham já falando o idioma pois isso facilita na adaptação.

– Se pudesse descrever em uma palavra a experiencia que esta vivendo nesse país, qual seria?
Crescimento pessoal!

– Você gostaria de recomendar algum web site ou blog relacionado à esse país?

Alguns blogs que eu pesquisei antes de vir pra cá foram:
mikix.com

baririensenaaustralia.blogspot.com

brazilaustralia.com

braziliantalk.blogspot.com.au/

2 Respostas

  1. Outra ótima entrevista!!!!

  2. Oi André! Sou Coach de Carreira, formado pela ICC (International Coaching Community), e atualmente estou desenvolvendo um projeto chamado Global Coaching, onde atendo brasileiros que vivem fora do Brasil. O processo acontece por meio de 10 sessões via Skype e é gratuito. Tendo interesse, favor entrar em contato!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: