Uma garota de Ipanema na terra de Mao

Joana na ChinaJoana, 25 anos, há três anos foi para China estudar em Beijing (Pequin). O plano inicial de estudar por apenas um ano acabou se tornando em uma aventura de 3 anos, com direito até mesmo, a casamento.
Apesar das diferencas culturais e da saudade da familia, ela adora viver em Pequim e nos conta como é viver no país que sediou as olimpíadas de 2008.

– Nome:
Joana Leao Riquet

– Onde nasceu e cresceu?
Rio de Janeiro, Brasil ( tambem morei dois anos nos EUA)

– Em que país e cidade você mora?
Beijing, China.

– Você mora sozinho ou com sua família?
Com meu noivo.

– Há quanto tempo você reside nesse local?
3 anos.

– Já residiu em outro(s) país(es) antes dessa experiência?
Nos EUA, em Virginia Beach, VA.

– Qual sua idade?
25 anos.

– Quando surgiu a idéia de residir no exterior?
Eu quis vir morar na China depois que vim a primeira vez, como turista, em 2004. Logo que voltei pro Brasil, decidi escrever minha monografia (fiz Historia na PUC) sobre a Revolucao Cultural. A partir dai, estudos da China se tornaram meu principal interesse. Com isso em vista, em 2005, logo depois de eu me formar, eu vim para Beijing estudar mandarim em uma faculdade local, a Beijing Normal University. Acabei extedendo minha estadia e depois de conhecer meu namorado, acabei decidindo fazer mestrado aqui tambem! Estou no segundo ano do curso

– Foi difícil conseguir o visto de residência ou o visto de trabalho?
O visto foi super facil. Eu madei minha application para a faculdade e eles mandam uma carta convite. Com essa carta e a passagem de aviao voce vai ao consulado e tira o visto, que na epoca saiu em 3 dias.

– Você tem seguro saúde? Foi difícil obtê-lo antes ou depois da sua chegada?
Tenho um seguro de saude feito no Brasil, nao foi dificil.

– Você trabalha? Como a renda familiar é obtida?
Eu sou estudante, mas tambem trabalho para me sustentar. Normalmente eu dou aula de ingles, pois paga-se bem e trabalha-se poucas horas. Tambem ja trabalhei fazendo pesquisa para uma empresa inglesa aqui em Pequim e atualmente estou estagiando no UNICEF.

– Se a resposta anterior foi sim, você mudou de área depois da saída do Brasil ou continua no mesmo setor?
Ainda sou estudante

– Você fala a língua local? Você acredita que é importante aprender a língua local?
Eu falo mandarim. Ate hoje eu aprendo, tenho aulas todos os dias. Acho que os estrangeiros podem viver super bem sem falar mandarim aqui em Beijing. Porem, eu vim para ca para aprender a lingua e absorver a cultura o maximo possivel. Eu sou loira tenho olhos verdes. Acreditem: quando eu falo chines, eu chamo atencao! Mas eh otimo poder nao so falar como tambem ler uma lingua tao importante como mandarim

– O que você pensa sobre seu novo país e o local onde mora (e/ou onde morou)? Eles respeitam os Brasileiros e outros expatriados vivendo nesse país?
Eu gosto daqui. Mas diferentemente de morar nos EUA ou na Europa, onde nos nos misturamos mais facilmente, aqui a questao eh fisica! Eu jamais serei chinesa, e isto esta marcado na minha pele, nos meus olhos… A china nao eh um pais, eh uma civilizacao. Tem historia milenar e passou por muitos periodos de isolamento. Ha algo enraizado em sua cultura que faz com que eles se separem do resto do mundo. Nao eh uma critica que faco aos chineses, ja vi varios chineses falando isso! Por mais que eles nos recebam e nos tratem bem, por mais que nos falemos a lingua deles, no fundo nos seremos sempre nos e eles sempre eles. Em relaco ao Brasil, eles pouco conhecem. Adoram o futebol, sao fas de Ronaldinho! Eh muito engracado, pois todo taxista que conheco fica doido ao saber que eu sou brasileira! Os chineses amam futebol

– Você tem filhos? Se sim, eles se adaptaram ao novo país? Estudam e têm amigos locais?
Nao tenho filhos

– Sente saudades da família no Brasil? Sente falta de produtos, alimentos e outras peculiaridades?
Sinto muita saudade da minha familia, nao do pais em si, mas tambem nunca tive crise, nunca chorei de saudade…. Sou muito cabeca feita nesse sentido. No dia que me mudei pra China eu chorei no aeroporto loucamente. Quando cruzei a seguranca para entrar no aviao enxuguei as lagrimas e coloquei na minha cabeca “agora comeca a minha nova vida”. Nunca mais chorei de saudade…. Do Brasil sinto falta tambem das mordomias! Empregada em casa, comidinha boa pronta! Sinto muito saudade de comer trakinas e um sorvete kibon!

– O que costuma fazer nas horas vagas, finais de semana e feriados?
Atualmente eu tenho aula aos fins de semana. Mas quando tenho tempo, gosto muito de sair para almocar em restaurantes ocidentais!!! As vezes tambem gosto de ir aos parques: O Ritan Park e muito bonito! La podemos ver pessoas fazendo danca do leque, tai ji quan etc.
A noite, recomendo o sanlitun, onde ha boates e bares para todos os gostos. Outro lugar legal para o dia e a noite e Hou Hai. E um lago com varios bares em volta. Durante o dia, Hou Hai e cercado por hutongs, que sao as ruas antigas, onde esta a tradicional cultura chinesa!

– Você tem planos para o futuro? Pretende viver nesse país para sempre?
Em chines ha um ditado “走一步,看一步” (zou yi bu, kan yi bu). Significa, “ande um passo para ver o proximo”. Estou estudando e estagiando agora. Ano que vem me formo e me caso. Meu noivo eh frances, mas trabalha aqui. Nos pensamos em ficar aqui por talvez mais um ano, e depois nos mudaremos.

– Você comprou ou alugou o local que reside? Quanto pagou ou paga por isso? Comprar imóveis é algo comum nesse país?
Nos vivemos de aluguel, no distrito de estrangeiros aqui em Pequim, chamado “Chaoyang”. Nosso apartamento ehnovinho, dois quartos, uma sala, um banheiro e cozinha. Nos pagamos RMB5.300 (Renminbi, a moeda local). Acho que a conversao esta 1 para 4. Ha apartmanetos de todos os precos e gostos…. depende da pessoa e de quanto cada um esta disposto a pagar.

– Qual o custo de vida?
Bem, como eu disse, isso depende de que tipo de vida voce quer ter. Para familias de estrangerios com filhos, o mais complicado e caro sao as escolas internacionais que sao carissimas! Comida, aluguel, tudo isso vai depender muito do seu estilo de vida.

– Quais os pontos positivos e negativos de morar nesse país?
Aqui em Beijing ha muita seguranca!! Posso sair sozinha de madrugada, posso sair com meu Ipod, de anel de brilhante e nao sinto medo algum!!!
Negativos, bem, ha o problema do frio no inverno, da quantidade de gente por todo o lado, da dificuldade de aprender a lingua.

– Qual a curiosidade que mais te chama a atenção nesse país?
Bem, estamos na China, entao ha varias!! Os costumes sao totalmente diferentes: Vou citar algumas curiosidades: Aqui se escreve em caracter, e nao em letras. Um Chines de educacao media, sabe mais ou menos 5 mil caracteres!!! Caracteres tem significados muito especiais e por isso o nome de uma pessoa e algo super serio! Nao deve somente soar bonito mas deve trazer significado tambem. Na China se usa o horoscopo chines. E um ciclo de 12 anos. O ano que corresponde ao seu horoscopo e um ano de dificuldades. Voce deve passar o ano inteiro sempre carregando algo vermelho (eu tinha uma pulseirinha com varios porquinhos, sou do ano do porco). Aqui o ano novo nao e dia 31 de Dezembro e sim durante o festival a primavera que acontece em fevereiro (muda todo o ano, de acordo com o calendario lunar). A festa dura uma semana inteira. Natal tambem nao existe!!!! Algumas cidades, como Beijing, sao construidas de acordo com o Feng Shui…
Na China, noivas vestem vermelho!!!! Mulheres, apos terem bebes, tem que passar um mes sem sair de casa!!!! Os chineses tem uma palavra linda “yuanfen“ que basicamente quer dizer, “determinados pelo destino“, amo essa palavra…

– Você tem sugestões ou dicas para pessoas que pretendem viver nesse país?
Venha com uma mente aberta. Seu codigo de valores nao cabera aqui!! Aprenda a lingua, viaje muito! Ao alugar um apartamento, certifique-se de que o proprietario e mesmo dono do apartamento. Exija documentacao SEMPRE. Ao se mudar para o apartamento ou casa, faca seu registro na policia local nas primeiras 24 horas. Compre um celular que escreve e le caracter!!! Vc vai precisar de telefone enquanto nao dominar o idioma. Sempre pegue business cards do lugar onde esta hospedado, lembre-se que o chines medio so sabe ler caracter. Se voce se perder e tiver um cartao, pode pelo menos apontar o endereco.

– Você gostaria de recomendar algum web site ou blog relacionado à esse país?
The Beijinger: www.thebeijinger.com

Advertisements

8 Respostas

  1. Adorei a entrevista. Estou numa fase de saber sobre países não tão comuns na rota de brasileiros.Apesar d q a China está recebendo muitos extrangeiros. Mente aberta, como a entrevistada disse é tudo. Espero eu, agarar a minha oportunidade e aproveitar o tempo fora do país

  2. Olá, tudo bem ?

    Estou aqui para dizer que estamos com um novo endereço. O “antigo” canadabrasileiro.wordpress.com deu lugar agora ao http://www.canadabrasileiro.com

    Você como meu parceiro, peço gentilmente que altere minha URL de sua lista.

    Também peço que veja nosso site, e confira se seu endereço está tudo ok na minha lista, se há algo que eu possa alterar, etc.

    Qualquer coisa, por favor, me escreva.
    É um prazer ter você na minha lista de parceiros!!
    =)

    att.

    Tiago Souza
    Canadá Brasileiro.com

  3. Eheheheh que legal essa entrevista.
    Lembrei do livro de jornalista Sonia Bridi, ela tbm diz pra ir à China sem preconceitos, vá aberto 🙂
    Muita sorte pra vcs!

  4. Adoro este blog!

    Quando Lula me expulsar
    também serei entrevistada.

    Parabéns e muitas felicidades a
    jovem entrevistada.

    Eliana

  5. Joana, Muito maneira sua entrevista. Bom, nem preciso dizer que tbm sou carioca. Moro no Japão há quase 7 anos e entendo e concordo perfeitamente sobre o que falou sobre o idioma local – japonê, no meu caso – e principalmente, sobre vir – para o Japão no meu caso – com a mente aberta! Adorei o provérbio 走一步,看一步 e sua frase “seu código de valores não caberá aqui”!…por aqui, a coisa é bem assim tbm! Boa Sorte aí para você. Felicidades! 再見!(笑)

  6. Oi Joana, muito legal sua entrevista, estou com planos de ir pra china também e comecei um site para ensinar mandarim para Brasileiros, será que você não gostaria de fazer uma entrevista com a gente também?

    谢谢

  7. Joana, muito legal sua entrevista…..
    Eu trabalho em uma multinacional de auto-peças aqui no Brasil e no final do ano passado recebi uma proposta para ser diretor industrial ai na China (cidade de Wuhu 400 km de Chungai), visistei a cidade durante 15 dias e pude conhecer alguns pontos turisticos.
    A empresa ainda está me propondo um contrato de 1 ano com todas as despesas pagas (casa, agua, luz, telefone, carro, escola para minha filha, curso de linguas) e mais um salário mensal de US$ 15.000.
    Com base na sua experiência ai, este salário é justo para ser responsável por uma fábrica de aproximadamente 1.000 funcionários e com um faturamento anual de US$ 100 milhões?
    Vc saberia me informar quanto ganha um gerente / diretor de uma multinacional ai na China?

    Aprecio a sua resposta.

    Abraços e sucesso

    Rodrigo

  8. Olá, Joana. Estou indo para Pequim em agosto. Poderia me dar algumas dicas? Abraço.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: